Conheça as Danças típicas do Brasil

Lucas Vinicius

Alunos-de-danca-de-rua

No Brasil, existem vários tipos de dança e as mais populares são forró, tango, street dance, gafieira e samba rock, de acordo com o site Bem Estar (http://g1.globo.com/bemestar).

A dança usada como uma atividade física melhora na flexibilidade, condicionamento físico, coordenação motora e no emocional das pessoas. A dança é como uma terapia, pode fazer com que as pessoas encarem as coisas de outra forma.

Vamos ver a história das danças mais populares:

FORRÓ: começou nas festas juninas. De acordo com pesquisadores, o forró surgiu no século 19. Nesta época, como as pistas de dança eram de barro batido, era necessário molhá-las antes, para que a poeira não levantasse. As pessoas dançavam arrastando os pés para evitar que a poeira subisse.

TANGO: Pouca gente sabe, mas o tango teve sua origem no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro, na segunda metade do século 19, quando estava também dando os primeiros passos na Argentina e no Uruguai (segundo o site http://www.bardetango.com.br/ ).

STREET DANCE: A dança de rua parece moderna, mas originou-se em 1929 nos Estados Unidos, época da quebra da Bolsa de Nova York e da grande crise economia. Músicos e dançarinos dos cabarés americanos urbanos, desempregados como consequência da crise, passaram a realizar suas performances nas ruas, segundo o site  http://www.infoescola.com.br.

GAFIEIRA: As gafieiras sempre existiram no município do Rio de Janeiro. O Samba de Gafieira é um gênero musical e uma dança que tem a sua origem derivada de ritmos e melodias com raízes africanas como o batuque e o lundu. Os passos dessa dança são acompanhados por uma música que tem o compasso binário e um ritmo sincopado, segundo o site http://www.culturamix.com.br.

SAMBA-ROCK: é um tipo dança que surgiu da criatividade dos frequentadores dos bailes – em casas de família e salões da periferia de São Paulo – no final da década de 50 e começo da década de 60, mesclando os movimentos do rock and roll com os passos do samba de gafieira. Nasceu ao som dos primeiros DJs e depois das equipes de som, importando o tempo da música em relação à dança, segundo o site http://pt.wikipedia.org.br.

FUNK: carioca é um estilo musical das favelas do estado do Rio de Janeiro, no Brasil. Apesar do nome, é diferente do funk originário dos Estados Unidos. Isso ocorreu pois, a partir dos anos 1970, começaram a ser realizados bailes Black, Soul, Shaft e funk no Rio de Janeiro. Com o tempo, os DJs foram buscando outros ritmos de música negra, mas o nome original permaneceu. O funk carioca tem uma influência direta do Miami bass e do freestyle. O termo “baile funk” é usado para se referir a festas em que se toca o funk carioca. Apesar do nome, o funk carioca surgiu e é tocado em todo o estado do Rio de Janeiro e não somente na cidade do Rio de Janeiro, segundo o site http://pt.wikipedia.org/wiki

HIP HOP: O hip-hop surgiu na década de 70 como um movimento cultural entre os latino-americanos, os jamaicanos e os afro-americanos da cidade de Nova York mais precisamente no sul do Bronx. Em 12 de Novembro de 1973, fundou a Zulu Nation, uma organização com objetivos de auto- afirma que promovia o combate através das quatro vertentes do hip-hop e que invocava “Paz, União e Diversão”. Esse dia é, até hoje, celebrado como sendo o dia do nascimento do hip-hop, segundo o site http://origemdascoisas.com

 

Anúncios