Que país é esse? O que mudou desde 1987?

Por Beatriz Souza, Johnny Firmino, Matheus Santos e Rayane Caroline

 Em 1987, a banda Legião Urbana perguntava para o Brasil: “Que Pais é esse?”. E o Brasil respondia: “É a p… do Brasil!”. O Brasil de 1987 tinha muita corrupção, mortes, desmatamento, conflitos agrários, mas Renato Russo acreditava que havia esperança no futuro. Depois de 27 anos, o Brasil mudou?

As favelas ainda têm muita sujeira, não só do crime, mas também falta de saneamento básico. O Senado vem piorando cada vez mais, por causa de políticos corruptos. Já a população não respeita a Constituição, infringindo as leis, mas ainda acredita na melhora do país.

O número de mortes por homicídios aumentou 130% desde a década de 80. Se antes o número era de 11,7 assassinatos para cada 100 mil habitantes, hoje esse número equivale a 27.

Recente estudo do IBGE mostrou que das quase 2 milhões de mortes por causas violentas (homicídio, suicídio, acidentes e outras causas não naturais) nos últimos 20 anos, 600 mil foram resultantes de homicídios.

Já as relações entre patrões e funcionários mudaram bastante. Hoje, os patrões são obrigados a escutar as opiniões dos empregados.

Na época em que a música foi lançada, em 1987, o Brasil era terceiro mundo. Isso era motivo de piada em muitos outros países do exterior. Mas Renato falava que o Brasil ia ficar rico, com um milhão, vendendo as almas dos nossos índios em um leilão. Ou seja, ele estava criticando que havia muita matança de índios, muito desmatamento. Naquela época um milhão era muito dinheiro. Hoje em dia, para uma pessoa pode até ser muito, mas para um país não.

Nesses 27 anos, o Brasil não mudou muita coisa. As pessoas até queriam mudar, ou querem ainda hoje, mas existem pessoas acima delas, ou seja, de mais poder, que não estão nem aí, não querem mudar o Brasil, pois estão bem, e não ligam para os outros, pensam só nelas mesmas e pronto.

Leia a letra da música da Legião Urbana e tire suas próprias conclusões. E assista o vídeo da nossa turma tocando “Que país é esse?” e comentando sobre o que mudou ou não no Brasil desde 1987.

Que País É Esse?

Legião Urbana

Nas favelas, no Senado
Sujeira pra todo lado
Ninguém respeita a Constituição
Mas todos acreditam no futuro da nação
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

No Amazonas, no Araguaia
Na baixada fluminense
Mato grosso, Minas Gerais e no
Nordeste tudo em paz
Na morte eu descanso
Mas o sangue anda solto
Manchando os papéis, documentos fiéis
Ao descanso do patrão
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

Terceiro mundo, se for
Piada no exterior
Mas o Brasil vai ficar rico
Vamos faturar um milhão
Quando vendermos todas as almas
Dos nossos índios num leilão
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

Anúncios

A fascinante história da Malala

Por: Johnny Firmino 
Conheci a história da Malala, uma garota que lutou pela defesa dos direitos humanos das mulheres e acesso à educação na região do vale do Swat, no nordeste do Paquistão, onde os talibãs impedem garotas de frequentar escolas.

malalaNa minha opinião, a Malala influenciou em muitos países com a sua coragem de lutar pelos seus direitos. O que eu mais achei interessante foi ela não lutar só por ela e sim por todas as garotas da sua região, passando uma mensagem a todos que devemos ir atrás de nossos direitos.

Malala ganhou o Nobel da Paz como prêmio da luta a favor da educação para crianças e jovens.

Se eu encontrasse com ela, daria parabéns pela sua coragem, esforço e a vontade de lutar pelos direitos, não só dela mais de todas as jovens da região.

Uma experiência legal: ganhei um vídeo de Tony Hawk

Por: Johnny firmino

Uma emoção muito grande. A assessoria de Tony Hawk respondeu as minhas perguntas no dia 03 de novembro de 2014, bem no dia do meu aniversário de 14 anos.

Fiz as perguntas porque gostaria de saber mais sobre a carreira de Tony e também quando ele iria lançar um novo jogo.

Eles ainda não podem falar sobre o novo jogo que Tony irá lançar, mas disseram que logo entrarão em contato comigo para dar informações sobre o game.

A assessoria respondeu minha pergunta sobre se o Tony ainda anda de skate. Eu fui uma das primeiras pessoas no mundo a ver um vídeo que Tony fez recentemente, praticando com seu skate. (Veja acima)

Tony Hawk foi um dos maiores skatistas na modalidade vertical, ganhando 12 campeonatos mundiais, três campeonatos mundiais de Street Style e dez X games.

(Veja mais sobre Tony aqui)

Amor pelos animais

facebook_1414245294798Johnny Firmino tem 14 anos, mora no bairro de Cidade Ademar e estuda na Escola Martins Pena. Gosta muito de andar de skate e o sonho dele é ser veterinário, porque tem um certo amor pelos animais.

Ele gosta de variados tipos de músicas, mas a banda que ele mais ouve é Polo. Suas músicas preferidas são Love Song (Polo), que fala sobre alguém que foi “atraído por um amor bandido”. Gosta também de Céu azul, do Charlie Brown Jr.

Se fosse presidente do Brasil, faria mais áreas de lazer e também arrumaria os hospitais e escolas.

Johnny ama sua família, que é muito unida e humilde.

Arrumando um emprego

Por: Johnny firmino

Eu já tentei arrumar emprego e foi bem difícil, pois fiquei bem tímido e para eu me adaptar foi difícil também.

Aprendi que para ter mais chances de arrumar emprego, a primeira coisa que precisamos é ter um currículo eficiente. Depois fazer cursos para deixar seu currículo mais atraente. Dessa forma, temos mais chances de arrumar um emprego, porque as empresas escolhem os mais qualificados. Agora, só não vai ficar com vergonha na hora da entrevista; procura relaxar.

sapatariaAtualmente eu trabalho na sapataria do meu tio. O serviço mais difícil que eu já fiz foi passar um sapato de preto para branco e o trabalho que eu mais gosto de fazer é pintar sapatos e engraxar. O mais legal de tudo é você ver o sapato pronto com o serviço feito e as pessoas te admirarem pela sua dedicação

Um futuro jogador

Por Johnny Firmino

facebook_1414244521499

Marcio Ferreira tem 15 anos e está cursando o 1° colegial na escola Ayres Neto. Em seu tempo livre, gosta de utilizar o Facebook e jogar bola com seus amigos. Ele sonha ser um jogador como Messi e Cristiano Ronaldo.

Em sua carreira, Marcio quer ser patrocinado pela Nike, porque para ele estes produtos têm um melhor desempenho. Se fosse presidente da República, construiria quadras de futebol em todos os bairros.

Marcio é um torcedor são-paulino e vem de uma família humilde, que mora no Parque Doroteia. Frequenta o curso de Comunicacão e Expressão no Cetecc e pretende ser menos tímido e ter mais oportunidades de empregos.

Marcio diz que as pessoas que mais ama no mundo são seus pais, pelo simples fato de compreendê-lo.